domingo, junho 03, 2007

Abram alas

Para dar um toque (não tão) feminino nessa budega, olha eu aqui!
Sim, senhores, eu tive um sonho épico ontem, em que havia 2 irmãos gêmeos idênticos, um deles era bom e meu amigo, o outro... era um maníaco assassino, além de cientista louco. Ele tava inventando alguma parada muito perigosa, tinha saído uma notícia no jornal local. Mas o que importa é que, tinha uma casa e eu tava lá, e ouvi alguém entrando, e fui na cozinha ver quem era, vi o cara de costas mexendo em algo na pia e me aproximei cautelosamente para ver qual dos 2 irmãos era, se o bom ou o mau. O cara se virou suavemente (ui) pra mim e vi que era o irmão bom, meu amigão. Quando me aproximei mais um pouco, o sorriso dele se abriu e eu vi que na verdade era o assassino, ele acelerou e veio pra cima de mim com um ramalhete de facas e colheres na mão!! Aí eu segurei as mãos dele mas ele conseguiu enfiar uma das facas na minha mão esquerda, e torceu, aí pra tirar a faca eu tinha que destorcer, e pelo buraco dava pra ver o outro lado da sala. Aí pra vencer o cara eu joguei ele pra fora da sacada, ele caiu no terraço de outro prédio, onde havia também um canguru. Aí eu peguei a invenção de cientista-louco dele, que era um aparelhinho com uma eletricidade azulada, e joguei na direção dele, e o "poder" do troço eletrocutou o lugar inteiro inclusive o canguru, e eu fiquei com pena do canguru mas não dava mais pra salvar ele. Daí eu corri pra dentro de casa e fechei a porta de vidro da sacada, e tava ventando muito, e o canguru veio se arrastando que nem um zumbi frenético pra tentar entrar em casa, e eu segurei as portas, e ventava, e o tempo lá fora foi ficando cinza e o canguru foi se decompondo, apodrecendo, como se lá fora o tempo estivesse passando extremamente rápido, o vento ia levando as cinzas, até que só sobrou a caveira do canguru, e o vento soprou mais e até a caveira se extinguiu.
Aí tinha uma mulher loira que tinha lutado com o assassino antes, e perdeu uma perna, que virou um cotoco sangrento. E ela ficou muito aborrecida com isso, e voltou pro quarto dela reclamar pra amiga, e a amiga disse com naturalidade, como se perder a perna fosse uma coisa rotineira, "mas agora você se tornou um 9 de espadas", e a loira sem perna respondeu, "eu me tornei o próprio ás".
Aí depois eu voltei pra casa e passei pela cozinha, e tinha um crânio humano em cima da mesa, e eu fui reclamar pra minha mãe, "mãe, tem que tirar esse crânio daqui, cozinha não é lugar pra essas coisas, não quero ver isso toda vez que passar por aqui".

E eu estou contando isso porque, além de ser muito legal, não tem nada de extraordinário e emocionante e excitante acontecendo na minha vida agora pra eu contar pra vocês. Ei, tem um jogo de protozoário muito legal (http://intihuatani.usc.edu/cloud/flowing/), é extremamente singela a vida de um protozoário. E vc ainda pode evoluir para uma ameba! É fantástico.

8 comentários:

O Haya disse...

AIH BROW METI BRONCA TA LIGADUUU
(tem uma lan house do lado de casa q vai altos vilero bundao e eh engracado ver eles falando de internet, jogo, msn e orkut com esses vocabularios)

O CANGURU!!!!?!???!??! OIWAHDOAWHD

E O CRANIO DA SUA MAE NEH
SUPER HUMANO ASSIM!!!
TUDO DE BOM!

AH EU TAMBEM QUERO POSTAR DENOVO :}

Barata disse...

no meu sonho o canguru seria eleito presidente , fiquei triste com o desfecho da historia pra ele.

e esse jogo ai eu to jogando no meu PLAYSTATION 3 , im rich bitch

oi carol bejo carol tchau carol

Elfu disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elfu disse...

Se fosse um sonho meu, o canguru teria me levado pra Goiânia e me deixado lá, sem dinheiro pra voltar pra curitiba :(((

Elfu disse...

O comentário excluído foi meu, eu sou burro e não sei o que eu fiz que não deu pra sumir com ele e eu acho que ele pegou fogo.
O canguru?
Onhonh?

Awkner disse...

AHDPASHDPOASHPDUASO
KAASAn tinha esquecido dos seus sonhos!!!! e agora lembrei de todos TODOS ATÉ o do Elefante e os sonhos que vc ainda não teve

e essa parte, '"mas agora você se tornou um 9 de espadas", e a loira sem perna respondeu, "eu me tornei o próprio ás"', eu achei DEMAIS
vou usar ela algum dia na minha vida

quando eu me tornar o próprio ás

Tinaril disse...

Eu sou o próprio candlej

K. disse...

EU não lembro do sonho do elefante